Problemáticas aditivas

Problemáticas aditivas

Objetivos

  • Compreender as problemáticas aditivas numa perspetiva biológica, cultural e psicológica; 
  • Identificar diferentes formas de adição e a sua relação com as respostas humanas e a saúde mental; 
  • Avaliar a especificidade do alcoolismo e da toxicodependência e os desafios que colocam à enfermagem de saúde mental do ponto de vista assistencial; 
  • Analisar os contextos de assistência ao utente com problemas de alcoolismo e/ou toxicodependência (profissionais e informais);
  • Caracterizar os modelos e as estratégias terapêuticas utilizadas.

Conteúdos programáticos

  • Problemáticas aditivas: aspetos biológicos, psicológicos, culturais e sociais; 
  • Substâncias psicoativas; 
  • Comportamentos de risco; 
  • Caracterização e epidemiologia das dependências; 
  • Enquadramentos políticos e legais da assistência; 
  • Alcoolismo e toxicodependência; 
  • Modelos de prevenção primária, tratamento e reabilitação;
  • Avaliação das respostas humanas e dos focos de atenção; 
  • Os contextos de intervenção: a família, a escola, o meio laboral e as prisões; 
  • Política de minimização de danos e redução de riscos; 
  • Intervenção integrada e multidisciplinar.

Coordenador da Unidade Curricular

Teresa de Jesus Rodrigues Ferreira

Professora Doutora

Mais informações

Skip to content