Processos adaptativos e autocontrolo

Processos adaptativos e autocontrolo

Objetivos

Desenvolver competências para se constituírem como ajuda profissional avançada à pessoa na experiência de transição, promotoras de respostas adaptativas eficazes:
Desenvolver competências de diagnóstico diferencial, no domínio dos processos adaptativos: coping e autocontrolo;
Desenvolver competências de intervenção diferenciada, no sentido da promoção de respostas adaptativas eficazes face às experiências de transição.

Conteúdos programáticos

Aspetos conceptuais: coping e autocontrolo; a doença como fator de stress; variáveis antecedentes e consequentes da adaptação
Natureza dos processos adaptativos nas experiências de transição:
Coping adaptativo, autocontrolo, bem-estar e qualidade de vida em situação de doença;
Fatores que facilitam/dificultam os processos adaptativos nas experiências de transição;
Padrões de resposta adaptativa nas experiências de transição;
Intervenções de enfermagem promotoras de respostas adaptativas eficazes face às experiências de transição.

Coordenador da Unidade Curricular

Célia Samarina Vilaça de Brito Santos

Professora Doutora

Mais informações

Skip to content